segunda-feira, 11 de março de 2019

China, Indonésia e Etiópia suspendem utilização do Boeing 737 MAX 8 após acidente

Cerimônia de entrega do Boeing 737 Max 8 para operação na China — Foto: Thomas Peter/ReutersAs autoridades de aviação da China e da Indonésia ordenaram que as companhias aéreas suspendessem a utilização dos aviões Boeing 737 Max 8 depois que um modelo desses caiu na Etiópia, matando todas as 157 pessoas a bordo.

A companhia Ethiopian Airlines também anunciou que interrompeu a utilização desse modelo após a queda da sua aeronave no domingo (10).

A Gol é a única companhia aérea brasileira que utiliza o Boeing 737 MAX 8 e já opera com sete aviões do modelo preferencialmente em rotas para os Estados Unidos, América do Sul e Caribe. A empresa disse ao Bom Dia Brasil que acompanha as investigações sobre o acidente e que, por enquanto, não cogita a suspensão de voos.

Foi o segundo acidente em 5 meses com este modelo, que é a versão mais recente do avião comercial mais vendido no mundo. No fim de outubro de 2018, 189 pessoas morreram em um voo da indonésia Lion Air.

Após a queda do 737 MAX 8 na Indonésia, a comunidade aeronáutica passou a questionar a falta de informação das companhias e dos pilotos sobre seu novo sistema de aviso de entrada em perda de sustentação, informa a agência AFP. Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário