quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Carioca já desponta com possível polêmica no tapetão

O Campeonato Carioca está próximo de ter sua primeira polêmica extracampo. Eliminado na fase preliminar da competição, o Goytacaz pretende ingressar na justiça esportiva contra a Cabofriense, com a alegação de que o time da Região dos Lagos utilizou um jogador irregular durante a etapa que classificou dois clubes para a disputa da Taça Guanabara – a Cabofriense e o Macaé foram os contemplados.

Segundo dirigentes do Goytacaz, o zagueiro Victor Silva, da Cabofriense, teria de cumprir suspensão por causa de três cartões amarelos recebidos no ano passado, quando atuava pelo Sampaio Correa, na Série B1 do Carioca.

O atleta, no entanto, participou de todas as partidas da Cabofriense na fase preliminar e chegou a fazer um gol na quarta rodada, na vitória sobre o Bonsucesso por 2 a 0.. Entre os seis clubes que lutavam por duas vagas na elite da competição, Goytacaz, Cabofriense e Macaé terminaram empatados, com 10 pontos. Mas o time de Campos ficou fora por causa do saldo de gols.

Agora, o Goytacaz quer punição com perda de pontos da Cabofriense para ocupar sua vaga. Como a Cabofriense já estreia nesta quarta (17) contra o Nova Iguaçu na Taça Guanabara, uma ação do Goytacaz poderia deixar o campeonato sub judice. A Federação de Futebol do Rio ainda não se pronunciou sobre o caso. Fonte: Portal Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário