quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Porto Central consegue mais uma licença

O porto Central, empreendimento que será instalado em uma área no tamanho de 2 mil campos de futebol em Presidente Kennedy, no Sul do Espírito Santo, recebeu nova licença Instituto Brasileiro do Meio Ambiente Ibama (IBAMA), que concedeu a Autorização de Supressão de Vegetação (ASV), procedimento para retirada do mato em empreendimentos de interesse público.

Segundo Deputado Evair de Melo, que participou da reunião do Ibama com o Porto Central, em Brasília, esse foi mais um passo para que o empreendimento saia finalmente de papel. Ainda de acordo com o deputado, falta pouco para a concessão da licença de instalação, a ser concedida também pelo Ibama.

A expectativa é obter licença do Ibama ainda no final deste ano ou no início do ano que vem. O Porto Central é apontado por especialistas como a solução para o gargalo do setor de exportação e importação do Estado. O terminal, com até 25 metros de profundidade, poderá receber navios de grande porte.

Este documento permite a coleta de material biológico, a captura ou marcação de animais silvestres e o transporte de material biológico para realização de estudos ambientais do processo de licenciamento ambiental federal. A concretização do Porto Central, redesenhará o mapa de oportunidades do Estado, principalmente para a região sul. Estamos atentos e trabalhando para que o projeto seja concretizado, ressaltou o deputado.

Na semana passada, a presidência da república publicou no Diário Oficial da União, o decreto que declara de utilidade pública, obra essencial de infraestrutura portuária de interesse nacional destinada ao serviço de transporte marítimo a obra do porto Central. Fonte: kennedyemdia.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário