sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Licença ambiental do Porto Central avança após decreto de Temer

Porto Central será construído em Presidente Kennedy
O licenciamento ambiental das obras do Porto Central, projeto que deve ser construído em Presidente Kennedy, na região Sul do ES, deu um passo importante após o empreendimento ganhar o status de utilidade pública, por meio de um decreto do presidente Michel Temer (PMDB).

A mudança foi publicada no Diário Oficial da União nesta quinta-feira (9) e era uma das obrigações para a supressão vegetal - retirada da mata - onde o porto será construído. O processo de licenciamento se arrasta desde 2014. O decreto, segundo o Ministério dos Transportes, não gera mudanças administrativas, mas é um dos passos para a execução da obra.

De acordo com o diretor-presidente do Porto Central, José Maria Novaes, a obra irá empregar cerca de 4 mil pessoas, sendo que pelo menos 70%, ou 2.800 empregados, serão contratados na região do litoral Sul do Estado. A primeira fase da obra terá um investimento de R$ 3 bilhões para dragagem do canal de acesso e construção do cais e da infraestrutura de alguns terminais. Fonte: GazetaOnLine

Nenhum comentário:

Postar um comentário