domingo, 3 de setembro de 2017

Universitário é preso após abusar de mãe e filha dentro de elevador

Um universitário foi preso na noite deste sábado (2) após mostrar o órgão sexual e se masturbar para uma artesã, 33, e a filha dela, 13, no elevador do prédio onde eles moram, em Itapoã, Vila Velha.

Segundo o pai da menor, um advogado de 35 anos, o universitário já estava no elevador quando a ex-mulher dele e a filha entraram. O acusado estava se aproximando demais da artesã, que até então não tinha notado nada. Ainda dentro do elevador, a filha, já desconfiada, puxou a mãe.

 Ao ser puxada pela filha a artesã olhou para o universitário e percebeu que ele estava com a genitália para fora e se masturbando. Toda ação já estava sendo observado pelo porteiro. Que fechou todas as saídas do prédio para evitar uma possível fuga do universitário.
Assim que o elevador abriu, mãe e filha saíram correndo para pedir ajuda. A artesã e a síndica do prédio acionaram a Polícia Militar. Enquanto isso, outros moradores do prédio se encarregaram de deter o criminoso.

De acordo com o advogado, o acusado não é brasileiro e mora em uma república com outros amigos do país dele. “No prédio são duas repúblicas de estudantes estrangeiros, e essa não é a primeira queixa deles. Outra moradora também já foi intimidada no elevador”.

O advogado ainda afirma que a ex- mulher está tão assustada que sequer conseguiu voltar para a casa. “Ele teme alguma retaliação dos amigos dele e está na casa de parentes”.

Ele afirma que pedirá uma medida protetiva para as duas. “Apesar dele ter ficado proibido de entrar no prédio, vou me precaver”. O acusado foi preso em flagrante e conduzido para a delegacia de Cobilândia, onde foi registrado boletim de ocorrência. Fonte: Gazeta

Nenhum comentário:

Postar um comentário