terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Familiares de policiais do Rio organizam protesto em BPMs

Por meio de grupos no WhatsApp, parentes de policiais militares do Rio estão organizando um protesto, como forma de cobrar o pagamento do 13º salário, do RAS e de metas alcançadas em 2015 devidos aos servidores. Nas trocas de mensagens, eles estão divididos por batalhões. A ideia é que cada grupo chegue cedo a uma determinada unidade para impedir a saída dos agentes para o expediente de serviço, semelhante ao que aconteceu no Espírito Santo, no último fim de semana.

Segundo pessoas que estão planejando o ato, a ideia é protestar em frente a todos os batalhões do estado. Não há uma definição sobre a data do ato. Em função do regimento interno, os militares não podem fazer greve. Fonte: Extra

Nenhum comentário:

Postar um comentário