quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Anac aprova fim da bagagem grátis em voos

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) aprovou as novas normas de direitos e deveres dos consumidores de serviços aéreos. Uma das mudanças aprovadas nesta manhã é a que as companhias não são mais obrigadas a despachar gratuitamente as malas dos passageiros. As regras entram em vigor em 90 dias. Já o limite de peso da bagagem de mão passará de 5kg por pessoa para 10kg por passageiro.
A Anac também aumentou de 5 para 10 quilos o peso máximo das bagagens de mão por passageiro.
Segundo a agência reguladora, as mudanças vão estimular uma maior competição entre as empresas aéreas e a redução do preço de passagens.

Como em outros países, as companhias aéreas poderão estipular as regras próprias para despachar bagagens, desde franquias menores até manter os benefícios atuais. Hoje, os passageiros podem despachar, gratuitamente, 23 quilos de malas para clientes de voos domésticos e de duas malas de 32 quilos em viagens internacionais.

Outramudança permite aos passageiros desistir de uma passagem em até 24 horas após a compra. Para ter direito isso, o cancelamento do bilhete tem que ser feito em, no mínimo, sete dias antes da data do voo. A mudança valerá para todas as passagens, mesmo as promocionais. extra.globo.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário