terça-feira, 29 de novembro de 2016

Família de Bruno preparava festa para celebrar 35 anos do jogador

d4cb7bc25e79ddde396d755dd663b6c629112016135300_gInúmeros amigos e familiares do campista Bruno Rangel, atacante da Chapecoense, estiveram na residência da família, em Campos, na manhã desta terça-feira (29) para prestar solidariedade, após a notícia de que o jogador estava entre as vítimas do acidente aéreo com a delegação da Chapecoense na madrugada desta terça-feira(29), na cidade de La Unión, próximo a Medellín, na Colômbia. Bruno completaria 35 anos no dia 11 de dezembro e a família preparava uma festa, revela um de seus 10 irmãos ao Campos 24 Horas.

bruno-casa-parque-prazeres
O campista Bruno atuou no Goytacaz (2002-2004) e no Americano (2005-2006).  A família de Bruno mora no Parque Prazeres, em Guarus. Sua mãe é acamada, pois já sofreu AVC. O jogador era o caçula de 11 filhos. Emocionado, José Paulo Gomes, de 58 anos, irmão de Bruno falou ao Campos 24 Horas.

Irmão do jogador Bruno
José, irmao do jogador
São 11 irmãos, sendo duas mulheres e nove homens. Todos os homens jogaram bola. Já tivemos outro irmão que também foi profissional, o Maguila. Desde novo ficamos incentivando ele no esporte. O Goytacaz deu uma oportunidade a ele. Em seguida, o Americano também abriu espaço e Bruno começou a decolar nos times. Ele era casado, morava na cidade de Chapecó, tinha uma filha de seis anos e um menino de dois. 

Dois irmãos saíram aqui de Campos e vão viajar com a mulher dele às 17h, para fazer o reconhecimento do corpo. Ele sempre conseguia o objetivo dele.  Temos que agradecer ao pessoal campista, a imprensa também está dando um apoio e aos nossos amigos e vizinhos. Nossa família estava programando uma festa no final de ano, íamos esperar ele chegar para comemorar o aniversario dele no dia 11 de dezembro”, disse o irmão. Fonte: Campos24Horas

Nenhum comentário:

Postar um comentário