sexta-feira, 24 de junho de 2016

Multas na Ponte Rio-Niterói está marcado para o dia 1º de julho

O início da aplicação de multas na Ponte Rio-Niterói, marcado inicialmente para o dia 1º de julho, será adiado por causa da necessidade de ajustes nas ações de fiscalização. As sanções deverão começar a ser aplicadas a partir da primeira quinzena de julho, segundo o diretor superintendente da concessionária Ecoponte, Alberto Lodi.

Com 22 dias de funcionamento dos radares, instalados em oito pontos da rodovia, Lodi diz que já é perceptível a mudança de comportamento de usuários. Mas a empresa quer ir além e inicia hoje a instalação de cartazes em pontos estratégicos da rodovia para conscientizar os motoristas sobre a importância de se respeitar o limite de velocidade de 80km por hora.

Na pista sentido Rio, uma lona com 25m x 5m está afixada no painel acima da praça do pedágio e pode ser visualizada por quem trafega em direção ao Rio. E em direção a Niterói, duas lonas de 15m x 3m serão instaladas em pórticos da Ponte ao longo da semana.

— Já deu para perceber uma mudança de comportamento dos usuários. As pessoas estão mais calmas no trânsito na Ponte. O único interesse que temos com a instalação dos radares é salvar vidas. Queremos uma Ponte cada vez mais segura. Não nos interessa em nada que os motoristas sejam multados. Nossa intenção é justamente o contrário, pois sabemos que quanto menos flagrantes de excesso, menos acidentes e vítimas teremos — destaca Lodi, lembrando que a Ecoponte não tem participação na arrecadação das multas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário