terça-feira, 18 de novembro de 2014

Alunos de SFI publicam livro

Alunos que cursam o 3º ano do Ensino Médio, no CIEP 470 - Celso Martins Cordeiro, em São Francisco de Itabapoana,  escreveram um  livro, intitulado “ Nossas Histórias”, que contém crônicas, paródias e poesias abordando as suas experiências no cotidiano do município em paralelo com os problemas sociais no âmbito do Brasil.

O lançamento ocorreu nesta última segunda-feira (17) no 2º Café Literário, evento organizado pela própria unidade de ensino, que reúne artistas locais e da escola para apresentar sua arte ao público.

Na ocasião, participaram  o escritor e poeta, Roberto Pinheiro Acruche, o cantor Felix Oliveira e banda, o animador cultural Edinho Martins, a artesã Marilene, a Secretária municipal de Educação e Cultura, Kátia Martins, entre outros convidados.

Uma das idealizadoras do Café Literário, a agente de leitura Jaqueline Barreto, explicou que a meta do projeto é estimular nos alunos o gosto pela leitura e a escrita.  “ O contato com as obras dos artistas da região é um meio de incentivar novas produções artísticas pelos alunos nas mais variadas formas, como música, artesanato, livro e assim por diante”, ressaltou.

A aluna Laís Alvarenga, 17 anos, uma das escritoras do livro “ Nossas Histórias,  destacou a sua satisfação em ter seu texto publicado. “Meus pais me contaram que desde os cinco anos de idade eu já lia e escrevia muito. Os professores do CIEP têm contribuído significativamente para desenvolver cada dia mais minha arte de escrever”, contou.

A professora de Língua Portuguesa e Educação Artística,  Rosane Bottaro, disse que foi uma experiência muito prazerosa tanto para ela quanto para os alunos escrever esse livro.  “Foram momentos de muita superação por parte deles por causa do processo normal de correção e revisão de texto para publicação. Logo, o resultado foi uma boa produção textual,  que envolve o leitor a ler do início ao fim”, destaca.

O livro “Nossas Histórias”  foi distribuído para os alunos e convidados do Café Literário. Quem quiser ter acesso à obra, na Biblioteca do CIEP estará disponível para consulta.

 "É uma extrema alegria ver a educação do município de São Francisco de Itabapoana avançar tanto no âmbito municipal quanto estadual. Isso significa, todos abraçando a ideia de progresso no processo de ensino e aprendizagem", concluiu a secretária de educação e cultura, Kátia Martins.

Nenhum comentário:

Postar um comentário