quinta-feira, 10 de abril de 2014

Google é condenado a pagar R$ 329 mil de indenização a Aguinaldo Silva

A Justiça condenou o Google a indenizar Aguinaldo Silva em mil reais a cada dia em que o YouTube (propriedade do Google) continuasse mostrando vídeos do Programa Pânico, da Band, denegrindo o autor de novelas. Como o site levou 329 dias para remover as imagens, a indenização foi de R$ 329 mil. Nas cenas, Aguinaldo Silva era retratado em forma de paródia como “Aguinaldo Senta”.

“Em julho do ano passado, o portal foi condenado a remover da internet os vídeos. Agora, ele foi condenado a pagar a multa por resistência no cumprimento da determinação”, explicou Sylvio Guerra, advogado de Aguinaldo

. O autor também está movendo uma ação contra o Pânico e a Band.

Nenhum comentário:

Postar um comentário