segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

PMs do Rio vão ser treinados para não reagir a provocações

Policiais militares do Batalhão de Policiamento de Grandes Eventos (BPGE) vão passar por um curso para aprender a não responder a provocações durante protestos. A reação de um PM a um xingamento, muitas vezes, é o estopim de confrontos nas manifestações.

A ideia do treinamento, segundo o comandante do 1º Comando de Patrulhamento de Área (CPA), coronel Rogério Leitão, surgiu após uma reunião com comandantes de corporações dos estados onde haverá jogos da Copa do Mundo.

— As provocações aos policiais acontecem de maneira arquitetada para que eles reajam, saiam da linha e comecem os conflitos. Não vamos mais entrar nesse jogo — disse o coronel Leitão.

Diante das propostas de endurecimento das leis, a PM decidiu criar um protocolo de ações que deve se adotado por todos os PMs em protestos. A principal diretriz do comando geral da corporação é prender o ativista que estiver depredando o patrimônio público ou colocando em risco a vida de terceiros. Fonte: O Globo

Nenhum comentário:

Postar um comentário