sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Audiência Pública sobre porto central em Presidente Kennedy

Audiência pública sobre o Porto Central aconteceu na noite da  ultima quinta- feira (07/11), no Ginásio de esportes do Município de Presidente Kennedy (ES).  Coordenada pelo IBAMA, o encontro discutiu o Estudo de Impacto Ambiental  e o Relatório de Impacto Ambiental(EIA/RIMA), últimos requisitos para a obtenção da licença de instalação do Porto Central. Foi apresentado ainda questões de impacto direto nos setores econômico e de infraestrutura. Várias moradores do Município de São Francisco de Itabapoana(RJ) estiveram presentes, ente elas secretários municipais e os Vereadores Marcelo Garcia, Raliston Souza e o presidente da Câmara Vereador Claudinho Viana. 

Projetado para ser construído na Praia das Neves, próximo a divisa com São Francisco de Itabapoana, o projeto irá desenvolver um porto industria para atender  setores como petróleo e gás, minério, granito, agricultura, industria automobilística entre outros.

A estrutura prevê investimentos que ultrapassam a R$ 1 bilhão na sua primeira fase e irá gerar em torno de 4.700 empregos no período de implantação, podendo chegar a 8.400 postos de trabalho durante a plena operação. A expectativa é que as obras comecem no segundo semestre de 2014.
Preocupado com os impactos negativos do empreendimento, o presidente da Câmara de São Francisco de Itabapoana Claudinho Viana informou que a Câmara irá promover  uma audiência pública para debater sobre os impactos diretos do empreendimento. “ pelo que vi na exposição do projeto, a pesca em Barra de itabapoana vai praticamente acabar, como ficará os pescadores? e a demanda por segurança, hospitais, infra estrutura de modo geral? É isso que queremos discutir” afirmou Claudinho Viana. 

O diretor do empreendimento, José Maria Novaes disse que a empresa está aberta para ouvir, discutir e buscar soluções junto as comunidades, e firmou compromisso  com o vereador Claudinho Viana em comparecer no dia 28 de novembro, ás 17 horas na audiência pública na Câmara de Vereadores para debater questões pontuais envolvendo o município. Fonte: Ascom-Câmara de SFI

Nenhum comentário:

Postar um comentário